WhatsApp-Image-2018-10-23-at-11.27.37.jpeg

Palestra SOE – Adolescência em Tempos Líquidos

23 de outubro de 2018by Flávia Facci

O SOE, no dia 03/10/2018, realizou um momento de reflexão sobre as questões que envolvem os adolescentes na atualidade, sob o título: “Adolescência em tempos líquidos, refletindo sobre comportamentos e angústias”. O tema foi relacionado à teoria de Zygmunt Bauman sobre os tempos líquidos que vivemos hoje, quando nada é feito para durar, exercendo influência sobre os adolescentes, numa sociedade de incertezas e instabilidade das relações, onde o ter se sobrepõe ao ser, prevalecendo o imperativo da felicidade, o culto ao corpo e a necessidade de aceitação, gerando angústia, sentimentos de menos valia, e aumentando assim os casos de depressão, torturas e suicídios entre os jovens.

Estatísticas nos mostram que:

  • 1 em cada 5 crianças tem problema de saúde mental;
  • um aumento de 43% no TDAH foi observado;
  • há aumento de 37% de casos de depressão;
  • aumentou em 20% a taxa de suicídio entre crianças de 10 a 14 anos.

É preciso estarmos atentos para sinais que podem indicar riscos como: imprudência e impulsividade aumentadas, temas mórbidos nas conversas ou leituras, comentários autodepreciativos, alteração no apetite, uso de drogas, tristeza, isolamento, negação da fé, automutilação e outros.

Alertamos para a quantidade de vídeos, sites que ensinam formas de automutilação e suicídio, oferecendo “ajuda” aos jovens. A 2ª causa de morte entre os jovens é o suicídio e o Brasil ocupa o 5º lugar nas estatísticas mundiais.

É urgente ter um olhar cuidadoso para nossos adolescentes, definindo limites, desfrutando de horário em família, envolvendo-os nas tarefas de casa, deixando que se frustrem, ensinando a esperar, ensinando a ter fé. Destacamos a importância de um trabalho preventivo, conectando-se emocionalmente com seus filhos: abrace, beije, diga o quanto eles são amados e importantes para a família.

“Precisamos começar a fazer pequenas coisas agora para baixar o nível de poluição socioemocional. Precisamos buscar fé e estrutura, precisamos praticar o negócio do amor, e ensiná-lo também.” – Andrew Solomon

Confira nossa Galeria de Fotos!